top of page

Como Usar Aromaterapia na Sua Prática de Yoga


como usar aromaterapia na sua prática de yoga blog 1

Muitos de nós gostam de usar e incorporar óleos essenciais em nossas vidas diárias. Estes óleos são basicamente a força vital da planta, incluindo todas as propriedades medicinais de uma parte específica da planta (sementes, casca, caules, raízes, flores). Quando usados corretamente e respeitosamente, os óleos essenciais podem ser extremamente poderosos e curativos para o corpo e para a mente. Por causa de todas essas coisas maravilhosas, faz muito sentido integrá-los em nossa prática de yoga. Eu acho que o maior benefício dos óleos essenciais no yoga é usá-los para trazer a mente para um estado de foco, concentração e paz interior.

Alguns Fatos sobre Aromaterapia

A ciência diz que usar óleos essenciais na forma de aromaterapia é melhor e mais eficaz. O olfato é considerado o mais impressionante dos sentidos por causa de sua conexão com uma rede de nervos dentro do cérebro chamada sistema límbico. Os receptores no nariz estão ligados ao sistema límbico, e é por isso que nosso olfato pode desencadear memórias e emoções. Quando sentimos o cheiro de alguma coisa, os componentes químicos do óleo ligam-se aos receptores do nosso nariz, dizendo ao cérebro: "Isso é lavanda!" Dependendo do óleo e de suas propriedades (e de quaisquer experiências passadas que você tenha tido com o cheiro), o resultado geralmente é uma resposta emocional e / ou uma lembrança. Na maioria dos casos (desde que os óleos essenciais tenham um aroma agradável para você) isso desencadeia o cérebro a liberar neurotransmissores, como a serotonina ou a dopamina. Fazer o cérebro liberar esses neurotransmissores é o principal efeito da aromaterapia, ajudando a manter nossos corpos em um estado saudável e feliz.

Quando usar a aromaterapia com óleos essenciais no Yoga

O melhor é incorporar os óleos essenciais em uma prática doméstica, em vez de em uma aula de ioga. É mais respeitoso manter um cheiro neutro em seu corpo quando estiver na aula, porque você nunca sabe o que pode incomodar outras pessoas. As mulheres grávidas, principalmente, têm uma sensibilidade aumentada ao olfato. Carregar-se com patchouli ou óleo de lavanda pode trazer uma sensação de grande bem-estar para você, mas pode ser muito perturbador para os outros ao seu redor na aula de yoga.

Se você é professor de yoga e quer agregar aromaterapia em suas aulas, a naturóloga Renata Hermes sugere que você deixe seus alunos a vontade para sentirem o aroma e aplicar em sua pele apenas se desejarem. E antes de colocar o óleo no difusor, peça para que todos sintam se o aroma é agradável a todos. Também procure explicar quais os efeitos daquela essência.

como usar aromaterapia na sua prática de yoga blog 2

Escolhendo quais óleos usar durante o Yoga

Existem várias categorias diferentes de odores e propriedades para escolher quando se trata de óleos essenciais. Por exemplo, algumas categorias são óleos cítricos (energizantes), óleos florais (calmantes) e óleos terrosos (aterramento). Cada tipo de óleo pode desencadear diferentes energias ou humores. O Yoga nos ensina que cada dia e cada momento podem ser completamente diferentes em nossos corpos e mentes. Reconhecer que estamos sempre mudando é fundamental, porque se não aceitarmos o que o corpo está nos dizendo (ou nos perguntando) naquele exato momento, então o óleo essencial que escolhemos não importará. Ouça seu corpo. Faça a si mesmo algumas perguntas. "Como está meu corpo hoje?" "Como estou me sentindo hoje?" "Qual será o foco desta prática de yoga?" E por último, "Como eu quero me sentir agora?" Responder a essas perguntas ajuda você a decidir melhor qual óleo (ou mistura de óleo) usar durante a prática. Embora a escolha do óleo essencial seja pessoal, é melhor avaliar todo o quadro para que seu óleo se torne um aprimoramento 100% benéfico e efetivo para sua prática de ioga.

Técnicas de aromaterapia

Normalmente, eu gosto de colocar as misturas de óleos diretamente na pele. Mas sempre misture um óleo essencial com um óleo base, também chamado de carreador, o óleo de coco é ótimo para esta finalidade. Normalmente, aplico nos pulsos, pescoço ou na parte superior do tórax. Aplicar o óleo no pescoço ou na parte superior do tórax é bom porque fica perto do nariz, para fins de aromaterapia. Outra opção é usar um difusor ou aquecedor de óleo. Ambos são eficientes em espalhar o cheiro de óleo ao redor da sala usando calor. Tenha cautela: se você estiver usando um óleo pela primeira vez, certifique-se de que o cheiro seja agradável por mais de 15 minutos antes da prática de yoga. Para não ser surpreendida no meio da sua prática percebendo que não gostava do cheiro. Faça experiências com os óleos. Sinta-se uma alquimista. Experimente diferentes e veja como se sente ao usá-los. Alguns óleos podem surpreendê-la, trazendo mais clareza, ou até mesmo algumas emoções "perdidas". Se suas experiências de aromaterapia aumentam algo que você não esperava, reconheça e continue seguindo em frente. Os efeitos dos óleos e aromaterapia podem ser muito diferentes para cada pessoa. É realmente uma experiência bonita e pessoal, especialmente quando integrada em sua prática de yoga.

Quero saber mais!

Se você tiver interesse em aprender mais sobre o uso de óleos essenciais em sua prática de yoga, quais são os mais indicados, os que são 100% puros e de gradação medicinal e como adquirir estes óleos, entre em contato comigo que eu terei o maior prazer em lhe ajudar! Meu e-mail é este aqui: rengel.fernanda@gmail.com

Namastê!

Texto original em inglês de Julie Gondzar

Fonte: https://www.doyouyoga.com/how-to-use-aromatherapy-in-your-yoga-practice-50321/

#aromaterapia #óleosessencias #aromaterapiaeyoga #forçavitaldaplanta #comousararomaterapianasuapráticadeyoga #óleosessenciaispuros #yogablends #yogacollection #DoTerraYogaCollection

1.822 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page